sábado, 27 de maio de 2017

Eu



Certos momentos eu me pego pensando e quando percebo, algo desesperador.. Angustiante, lampeja em minha consciência: É somente eu, eu e eu. Sou eu quem me construo, sou eu quem me conduzo, somente eu quem me entende, de verdade. Os outros são os outros, perdidos em suas próprias couraças, guardados a sete chaves (na maneira mais clichê de se dizer) em seus próprios segredos.

Nada mais há de acontecer nesse mundo, senão encontros de fortalezas... Encontros de segredos. E não há nada mais bonito do que isto.

Se você me permite passar: Está tudo bem. Se não, teu espaço é teu culto e tua morada mais bonita: Tudo bem, também.

-G.MOON

2 comentários:

Momento difícil

Difícil perceber o momento em que não vê ninguém pra desabafar. Ninguém parece te compreender muito bem. Ninguém demanda teu tato ou te...